WordPress mudou seu painel para Node.js?

Não, não e não.

A dias estou ouvindo e sendo questionado sobre isso. Em alguns posts no Facebook e até conversas com amigos, por exemplo o Pedro Polisenso e o Daniel Carvalho, todos achando que isso realmente aconteceria.

Pense comigo, qual a chance de um sistema, que tem 25% de toda a WEB, migrar do nada todo seu sistema para uma nova linguagem?

Existe a possibilidade de migrar, todo 25% da WEB, que entre elas usam versões PHP antigas, em hospedagens simples, somente para atender ao ego de algumas pessoas? Claro, o Node.js tem seu espaço, mas vamos pensar como gerente de projetos. Facebook também é em PHP, logo usaremos os dois como exemplos.

Quantas horas de novos programadores seriam gastos para o desenvolvimento de um novo sistema? Quantas horas de programadores seriam gastos para realizar a migração? Quantos profissionais seriam perdidos? Você arriscaria perder mercado somente para atender a um ego?

Se você é realista, sabe que isso não vai acontecer, pelo menos em grandes longos anos.

Mas Valério, eu li falando isso num grande site.

Errou e errou feio.

No Fim de Novembro, a Automattic, empresa por trás do WordPress, lançou o Calypso(A lua me traiu) um aplicativo para desktop em que você pode gerenciar seu site no WordPress.com e no WordPress auto-hospedado, se estiver usando Jetpack. E sim, ele está usando Node.js para sincronizar com a API do painel do WordPress.com que também está usando Node.

Portando, o WordPress não irá migrar para Node.js e sim abriu as portas para trabalhar junto com a API.

E você? O que achou dessa novidade? Discorda? Concorda?

Leia mais em: http://ma.tt/2015/11/dance-to-calypso/ (em inglês)

Bloqueie Spammers de pegar os e-mails do seu WordPress

Voltando com os tutoriais, vou mostrar uma forma de bloquear que os spammers usem os emails do seu WordPress para uso de spam.

Resolvi vim aqui depois de ler um Post no grupo do WordPress no Facebook, onde uma pessoas queria pegar os e-mails dos comentários de outros sites em WordPress.

Acontece que maioria dos sites não se preocupam em bloquear que sistemas e outros sites leiam esses emails, deixam aberto para que todos capturem e assim cresça a lista de spam nos emails marketing.

Graças ao WordPress, uma simples função pode resolver isso.
Com o <?php antispambot( $emailaddy, $hex_encoding ); ?> os e-mails serão convertidos para hexadecimal.
Ex.: Coloque no seu template, onde irá mostrar os e-mails de comentários, ou na tela de contatos do seu site.

<?php
echo antispambot( 'email@seudominio.com' );
?>

Quando um sistema de leitura de HTML chegar nesse ponto, terá uma leitura mais ou menos parecida com essa:
&amp;#106;&amp;#111;hn.doe

Mas no seu browser irá aparecer
email@seudominio.com

Com isso você está colaborando para diminuir o spam da Internet, com um esforço mínimo graças a mãe que o WordPress é.

Olá, world ou Hello, mundo?

Olá, depois de tantos anos ( 2 anos ) falando que vou por meu site no ar, resolvi fazer essa semana. Resolvi adotar uma prática que já sei que funciona, mas ainda não tinha adotado pro meu site. Planejamento demais não funciona.

Enquanto sempre colocava em papel, o que fazer, como fazer, e onde colocar o que no site, ele nunca saiu do lugar. E agora decidi fazer algo simples, pratico e objetivo. Usar mesmo um tema, colocar no ar minhas ideias e o que eu faço e pronto. Preciso voltar a escrever, algo que sempre fiz e não faço a um bom tempo.

Há, porque esse título? Bom, é que de agora em diante vou praticar meu inglês e terei aqui posts em Português and in English.

Bom, sejam bem vindos ao meu site e aproveitem esse novo conteúdo.